loading gif
Loading...

Notícias



Novidades editoriais Leya para Junho

22 Mai, 2020

Novidades editoriais da Leya para o mês de Junho, mês em que regressa ao mercado, depois de uma ausência de dois meses provocada pela pandemia.

O Cabo do Medo, o Daesh em Moçambique junho 2019-2020 , de Nuno Rogeiro (Dom Quixote) – Ensaio

Toda a verdade sobre a situação explosiva do domínio do Norte de Moçambique – Cabo Delgado - pelo Daesh. À venda a 2 de junho.

Amália, Ditadura e Revolução, a História Secreta, de Miguel Carvalho (Dom Quixote) - História

Chamaram-lhe “cantora do regime.”. Acusada de servir a ditadura e colaborar com a polícia política (PIDE), foi perseguida e ostracizada após 25 de Abril de 1974, reconquistando depois a unanimidade enquanto voz de Portugal no mundo. Esta é a história secreta da vida de Amália Rodrigues. Como se relacionou com o Estado Novo e sobreviveu à admiração por Salazar? Como enfrentou a pobreza, seduziu a aristocracia e os intelectuais? Como ajudou presos políticos, cantou poetas proibidos, colaborou com antifascistas e financiou clandestinamente a oposição e o PCP? Como sobreviveu aos boatos, ataques e tentativas de silenciamento no pós-revolução? Como os políticos, os músicos, os poetas, a ditadura e a democracia lidaram com a maior cantora portuguesa de sempre? À venda a 30 de junho.

Porto, a Entrada para o Mundo, de Neill Lochery (Casa das Letras) - História

“Apaixonei‑me pelo Porto e ainda o amo. As espetaculares pontes da cidade, as suas margens vertiginosas e as íngremes encostas com edifícios antigos, as velhas casas do porto, as grandes praças: estava encantada por tudo.” Com uma citação da escritora britânica, J. K. Rowling, autora da saga Harry Potter, abre a mais recente obra do autor de “Portugal - Saído das Sombras da Revolução de 1974 até ao Presente”, bem como o bestseller “Lisboa - A Guerra das Sombras na Cidade da Luz 1939-1945”. À venda a 30 de junho.

De Olhos Postos no Amanhã, Valorizar o Bem-estar, a Resiliência e a Sustentabilidade no Século XXI, de Éloi Laurent (Casa das Letras) - Economia

Com um prefácio exclusivo escrito para a edição portuguesa em que analisa a economia pós-Covid 19, o economista francês diz que temos de deixar de calcular o PIB para ver a saúde de um país, antes dar maior importância à justiça social e à qualidade de vida dos seus cidadãos. Éloi Laurent levanta o véu sobre tudo o que o crescimento desenfreado esconde: o efeito corrosivo das desigualdades, a recessão democrática, o fim do lazer, a globalização da solidão, o fardo que a economia representa para a biosfera. À venda a 2 de junho.

 

Renascer, de Luísa Jeremias (Casa das Letras) - Romance

Segundo romance da jornalista Luísa Jeremias. Carminho, 40 anos, tem uma vida (quase) de sonho. De repente tudo muda. Decide que precisa renascer. Noutro lugar, em segredo, redescobrir tudo, reaprender a viver. À venda a 23 de junho.

 

A Arte da Salada, de Julie Deffense(Casa das Letras) - Gastronomia

A grande especialista em Portugal de bolos de casamento apresenta 70 receitas de… saladas. Com prefácio de Manuel Luís Goucha. À venda a 23 de junho.



Em Casa da Bruxa, de Arin Murphy-Hiscock (Casa das Letras) - Espiritualidade

Um guia completo de rituais e feitiços para fazer do nosso lar um sítio mágico. À venda a 16 de junho.

Comente esta notícia


Ainda não existem comentários para esta notícia.

Voltar

Faça o login na sua conta do Portal