Loading...

Gabriela Antunes


1937 - 2004
Angola

Biografia

Professora e escritora angolana, Maria Gabriela Cardoso da Silva Antunes nasceu a 8 de julho de 1937, na antiga Nova Lisboa, atual Huambo, em Angola.
Após concluir os estudos secundários em Huambo, partiu para Lisboa, em 1955, tendo aí obtido a licenciatura em Filologia Germânica pela Faculdade de Letras Lisboa, em 1960. Mais tarde, fez uma pós-graduação em Pedagogia e Didática da Língua Inglesa, em Luanda.
A nível profissional, começou a trabalhar na Escola Comercial e Industrial Sarmento Rodrigues, em Huambo e, em 1964, foi contratada para o Ensino Técnico-Profissional e, simultaneamente, desempenhou as funções de docente de Inglês e Alemão no Instituo Comercial de Luanda. Nos últimos anos, lecionava no Instituto Superior Privado de Angola (ISPRA). Para além disso, assessorou o ministério da Educação e Cultura, foi membro de direção da União dos Escritores Angolanos, coordenadora nacional da UNESCO e do Fundo Bibliográfico de Língua Portuguesa em Angola, coordenadora do curso de Jornalismo do Instituto Makarenko (posteriormente Instituto Médio de Economia de Luanda) e diretora da Biblioteca Nacional de Angola.
Como escritora, colaborou com a imprensa e publicou diversos livros infantis, como Kibala, o Rei Leão (1982), A Águia, a Rola, as Galinhas e os 50 Lwei (1982), Estórias Velhas, Roupa Nova (1989), O Cubo Amarelo (1991). Em 1999, recebeu o prémio da Fundação Casa de Cultura de Língua Portuguesa, entregue por Jorge Sampaio, Presidente da República, na Faculdade de Ciências da Universidade do Porto.
Defensora da identidade angolana e ativista dos direitos humanos e promotora da literatura em língua portuguesa, Gabriela Antunes faleceu a 3 de abril 2004, em Lisboa, onde estava a efetuar tratamento médico.




Comentários


Ainda não existem comentários para este questionário.

Voltar

Faça o login na sua conta do Portal

Subscreva a Newsletter do Portal da Literatura

e receba os destaques e as novidades no seu e-mail.