loading gif
Loading...

Albert Camus


1913 - 1960

Biografia

Albert Camus nasceu na Argélia durante a ocupação francesa. O pai, Lucien Auguste Camus (1885-1914), era francês nascido na Argélia e a sua mãe, Catherine Hélène Sintès (1882-1960), também nascida na Argélia era de origem minorquina. A mãe trabalhava lavando roupa para fora, a fim de ajudar no sustento da casa. Durante o segundo grau, ele quase abandonou os estudos devido a problemas financeiros da família. Foi neste ponto que um outro professor foi fundamental para que o ganhador do prémio Nobel de 1957 prosseguisse o estudo e se graduasse em filosofia: Jean Grenier. 
 
Em 1938, Camus ajudou a fundar o jornal Alger Républicain e durante a Segunda Guerra Mundial até 1947, colaborava com o jornal Combat, além de ter colaborado no jornal Paris-Soir.
 
O seu primeiro livro "O Avesso e o Direito" assim como "Bodas em Tipasa" foram publicados quando ele ainda residia na Argélia. Conheceu Sartre em 1942 e tornaram-se bons amigos no tempo de pós-guerra. Conheceram-se devido ao livro "O Estrangeiro" sobre o qual Sartre escreveu elogiosamente, dizendo que o autor seria uma pessoa que ele gostaria de conhecer. Um dia em uma festa em que os dois estavam, Camus se apresentou ao Sartre, dizendo-se o autor do livro. A amizade durou até 1952, quando a publicação de "O Homem Revoltado" provocou um desentendimento público entre Sartre e Camus.
 
Camus morreu em Janeiro de 1960, vítima de um acidente de automóvel. Na mala do carro estava contido o manuscrito de O Primeiro Homem, um romance autobiográfico. Por uma ironia do destino, nas notas ao texto, ele escreveu que aquele romance deveria ficar inacabado. Encontra-se sepultado no cemitério de Lourmarin, Provença-Alpes-Costa Azul, em França.



Livros escritos por Albert Camus





Comentários


A mostrar os últimos 20 comentários:

newton , 2018-10-10 19:41:21

na verdade um grande escritor ,pena que nosso mundo hoje em dia ,não valoriza grandes obras e gente do perfil dele ,mas que ama ler jamais deixa de ler ele um dos maiores escritores deste tempo ,obrigado

Luísa Mello, 2018-09-20 18:04:58

Nunca o conheci, pessoalmente, e tenho tantas saudades dele ! Era um escritor brilhante e senti em tudo os seus livros uma grande lucidez, uma enorme sensibilidade e um grande conhecimento da natureza humana. Li todos os seus livros, a sua genialidade formatou-me a vida. Tinha a idade de meu pai. ezs

Voltar

Faça o login na sua conta do Portal