loading gif
Loading...

Notícias



Novidades editoriais da Clube do Autor para Outubro

04 Out, 2019

Dois livros de Ciência, dois romances e um livro com a chancela do Canal História: são estas as novidades editoriais da editora Clube do Autor neste mês de Outubro, todas disponíveis na semana.

GÉNESIS, do prestigiado biólogo Edward O. Wilson, foca-se nas origens da sociedade humana, na sua organização e evolução. Escrito com clareza e objetividade, é um livro que transcende as fronteiras disciplinares para apresentar uma inestimável análise sobre quem somos, assegura Al Gore. Iluminando as origens do ser humano e da própria vida, Edward O. Wilson apresenta uma investigação acessível e eloquente sobre as teorias evolutivas que explicam o nosso comportamento.

Uma visão concisa e lúcida da evolução humana centrada na verdadeira fonte da nossa supremacia: a capacidade de trabalhar em conjunto.


- - -


ALTERAÇÃO PRIMATA, eleito LIVRO DE CIÊNCIAS DO ANO, do autor e investigador académico Vybarr Cregan-Reid, apresenta, por seu lado, uma análise abrangente, rigorosa e pertinente sobre como o mundo que criámos nos tem modificado. Entre outros temas, o autor aborda as alterações provocadas no homem pela revolução agrícola, industrial e digital. Sabia, por exemplo, que cerca de 10% de todos os seres humanos que existiram estão vivos hoje? Ou que crescemos quase 13 cm nos últimos 200 anos? OU ainda que estamos sentados cerca de 100 horas por semana, mais tempo do que dormimos? Baseado em estudos científicos recentes em várias áreas, é um livro que fazer o leitor levantar-se (literalmente).


- - -


Do Canal História chega agora às livrarias nacionais A GUERRA TOTAL, uma obra que analisa alguns dos aspetos menos conhecidos da Segunda Guerra Mundial (La Vanguardia). Das batalhas mais emblemáticas à contribuição das mulheres, não deixando de fora as operações secretas e o papel da resistência ou o impacto da propaganda, e até ao legado da guerra, este novo título da já vasta coleção de livros com esta chancela publicada pela Clube do Autor dá ao leitor uma visão inovadora e abrangente do conflito em causa.

Um relato impressionante de coragem, violência e ousadia que definiu o destino do nosso mundo.


- - -


Por fim, no campo da ficção, ambas as novidades editoriais são de autores portugueses. Jorge Sousa Correia, nome bem conhecido dos leitores nacionais pelos seus romances históricos, está de regresso às livrarias de todo o país com A DESONRA DE D.AFONSO VI. Depois do Infante Santo, de D. João II, D. Manuel I e D. Fernando, o autor dedicou-se nos últimos meses ao rei D. Afonso VI. Desde o fim do domínio espanhol às guerras da Restauração, eis o que encontramos nas páginas deste romance: a história de um rei (que morreu prisioneiro às mãos do irmão) e do seu reinado atribulado.


- - -


Já Manuela de Sousa Rama, jornalista, centrou-se nos tempos da censura para escrever A CULPA FOI DA REVOLUÇÃO. Através da história de uma mulher, da sua família e dos que lhe são mais próximos, e com base em acontecimentos reais, a autora dá conta do clima vivido em Portugal desde um pouco antes do 25 de abril de 1974 até ao seu fim técnico, em 1982, com a extinção do Conselho da Revolução. Acompanhando o processo revolucionário, conta-se, também, o reflexo daquele na imprensa portuguesa, com especial incidência numa das maiores empresas jornalísticas nacionais à altura, a Sociedade Nacional de Tipografia.

Comente esta notícia


Ainda não existem comentários para esta notícia.

Voltar

Faça o login na sua conta do Portal