loading gif
Loading...

Poema e Poesia de Sophia de Mello Breyner Andresen

Esta é a madrugada que eu esperava 
O dia inicial inteiro e limpo 
Onde emergimos da noite e do silêncio 
E livres habitamos a substância do tempo

em "O nome das coisas", 1977 

Voltar

Área de utilizador

Top 10 de vendas

Novidades

Faça o login na sua conta do Portal