loading gif
Loading...

Poema e Poesia de Sophia de Mello Breyner Andresen

Quando a pátria que temos não a temos 
Perdida por silêncios e por renúncia 
Até a voz do mar se torna exílio 
E a luz que nos rodeia é como grades

em "Livro sexto", 1962 

Voltar

Área de utilizador

Top 10 de vendas

Novidades

Faça o login na sua conta do Portal