loading gif
Loading...

Poema e Poesia de Vergílio Ferreira

Vida
Vergílio Ferreira

Retomo ao Ponto de Partida

Retomo, pois, ao ponto de partida 
como um presente, o ponto de chegada. 
Entre um começo e outro não há nada 
Excepto o nada da vida vivida. 

Desgaste, corrosão do que de novo 
em velho se mudou antes de o ser, 
etc. 

em 'Conta-Corrente 1'

Voltar

Faça o login na sua conta do Portal