Loading...

António Santos


Portugal

Biografia

Escritor, autor, jornalista.
(Nome de autor registado na Sociedade Portuguesa de Autores desde 1973 (nº 105402), no Registo Oficial da Propriedade Intelectual no Palácio Foz, em Lisboa, e no Sindicato dos Jornalistas, desde 1973, com o nº 438 e Carteira Profissional nº 238).

António Santos tem descrito um percurso jornalístico notável. Colunista em diversas publicações, criador de emissões para rádio e televisão, repórter, pivot, editor, coordenador de informação, autor de programas televisivos como Jornalinho &ndash distinguido com o Troféu Regra de Ouro/RTP e o Troféu Verbo/85 &ndash e de programas radiofónicos como As Noites Longas do FM Estéreo, que também realizou e apresentou, António Santos foi ainda Consultor da Administração da RTP e Assessor de Imprensa e Coordenador de Comunicação do Primeiro-Ministro nos XIII e XIV Governos Constitucionais. Actualmente, para além da escrita, exerce actividade docente pontual sobre Comunicação, Imagem e Marketing Político a convite de instituições como a Universidade Nova de Lisboa, o Cenjor-Formação para Jornalistas ou o INA &ndash Instituto Nacional da Administração. Tem já publicadas as obras Os Sapos Vivos Estão pela Hora da Morte e As Noites Longas do FM Estéreo.



Livros escritos por António Santos





Informações adicionais

- PRÉMIOS/DISTINÇÕES PROFISSIONAIS -

Sete de Ouro/1987:
"Melhor autor/realizador de Rádio - As Noites Longas do FM Estéreo&rdquo.

Troféu Nova Gente/1984:
"Melhor apresentador de Rádio - As Noites Longas do FM Estéreo&rdquo.

Prémio Regra de Ouro - RTP/1985:
"Melhor autor de Televisão - programa Jornalinho&rdquo.

Troféu Verbo/1985:
"Melhor divulgação de livros - programa Jornalinho/RTP".

Nomeações para o Sete de Ouro:
-1984, 1985 e 1986 - para "melhor autor de Televisão".
-1989, 1990 e 1991 - para "melhor jornalista/apresentador de Televisão".
-1982, 1983, 1984, 1985, 1986 e 1987 - para "melhor autor, realizador e apresentador
de Rádio.

Comentários


A mostrar os últimos 20 comentários:

Maria Nunes, 2017-05-19 14:56:37

Antes do seu livro mais recente, O Contador de Retratos, de 2013, em 2010 António Santos publica o seu quarto livro (e segundo romance) Deixei-te o Sorriso em Casa, depois da saída de O Pescador de Girassóis, também romance, no ano de 2007. Em 2003 edita a colectânea de contos Os Sapos Vivos estão pela Hora da Morte. Antes disso (1986), numa co-autoria, lança a selecção de textos As Noites Longas do Fm-Estéreo, título homónimo do programa que criou, realizou e apresentou na Rádio Comercial durante quatro anos.
António Santos é jornalista desde 1973. Na RTP foi repórter, editor, chefe de redacção, coordenador de notícias, pivô de noticiários (Informação-2, Jornal das 9) e autor de conteúdos televisivos como o Jornalinho, um telejornal para os mais novos. Na imprensa assinou crónicas regulares na Gazeta dos Desportos, Record, O Jornal, O Diário, Tempo Livre e Visão.
Nos XIII e XIV Governos Constitucionais, foi o coordenador de comunicação e o assessor de imprensa do Primeiro-Ministro António Guterres.

Voltar

Faça o login na sua conta do Portal

Subscreva a Newsletter do Portal da Literatura

e receba os destaques e as novidades no seu e-mail.