loading gif
Loading...

O Mistério de Edwin Drood

Charles Dickens

2020 Relógio D'água Editores

Sinopse

«A história, ou a parcela da história que Dickens escreveu, pode ser lida nas páginas deste volume. O tema, como verão, é o desaparecimento do jovem arquitecto Edwin Drood, depois de uma noite festiva, à primeira vista destinada a comemorar a sua reconciliação com um inimigo temporário, Neville Landless; o serão tem lugar na casa do tio de Drood, John Jasper. Dickens prosseguiu a escrita da história o suficiente para explicar ou dinamitar o primeiro e mais óbvio dos seus enigmas. (…) uma narrativa terminada pode conferir a um homem a imortalidade, no sentido ligeiro e literário do termo; uma narrativa incompleta, porém, sugere uma outra imortalidade, mais urgente e mais estranha.»
[Do Posfácio de G. K. Chesterton]

«Trata-se de uma história em que o criminoso não confessa a sua culpa e não é castigado. Os seus motivos, embora os possamos adivinhar, não são esmiuçados. Em bom rigor, não chegamos a ter a certeza absoluta da identidade do criminoso, nem sequer da natureza do crime cometido. O mal, em certa medida, triunfa. Não é feita justiça. Chesterton disse que este foi o primeiro romance policial. Talvez, mas, a ser assim, O Mistério de Edwin Drood é também o supremo romance policial.»
[Do Prefácio de Paulo Faria]

Comentários


Ainda não existem comentários para este livro.

Outros livros de Charles Dickens

Voltar

Faça o login na sua conta do Portal