loading gif
Loading...

Poema e Poesia de Sophia de Mello Breyner Andresen

Exausta fujo às arenas do puro intolerável
Os deuses da destruição sentaram-se ao meu lado
A cidade onde habito é rica de desastres
Embora exista a praia lisa que sonhei

Voltar

Área de utilizador

Top 10 de vendas

Novidades

Faça o login na sua conta do Portal