loading gif
Loading...

Poema e Poesia de Mia Couto

Vida
Mia Couto

Sotaque da terra

Estas pedras
sonham ser casa

sei
porque falo
a língua do chão

nascida
na véspera de mim
minha voz
ficou cativa do mundo,
pegada nas areias do Índico

agora,
ouço em mim
o sotaque da terra

e choro
com as pedras
a demora de subirem ao sol

Voltar

Área de utilizador

Top 10 de vendas

Novidades

Faça o login na sua conta do Portal