loading gif
Loading...

Raízes - Custódio Montes


Nascido à lareira

2021-10-26 10:57:02

No meu tempo, nascia-se à lareira.
A parturiente sentada no escano, com o lume aceso, em frente; várias mulheres de pé e capucha, em semicírculo, a assistir; e uma, de mangas arregaçadas, a fazer de parteira, com duas adjuntas, para o que desse e viesse.
Homens nem vê-los, não podiam assistir.
Eu falo do que sei porque vi.
Meu pai, que era muito brincalhão, sabendo que decorria o parto duma vizinha e que minha mãe, sua comadre, era quem fazia de parteira, disse-me:
— Questódio vai num instante a casa da Maria, abre a porta para trás, vê bem o que estão a fazer lá dentro, para depois me contar, e diz à mãe
— Oh mãe, disse o pai que fosse lá depressa;
Depois, pões-te logo a cavar sem olhar para trás.
Eu, que tinha aí uns cinco anos e obedecia cegamente a meu pai, fui a correr.
A porta da casa estava aberta mas, como em muitas outras casas, havia uma cancela que, precedendo a porta, estava fechada.
Apesar da minha pouca idade, conseguia ver por cima da cancela toda a casa que, sendo das mais humildes, tinha apenas uma dependência que servia de sala, cozinha, quarto de dormir, arrumos, capoeira das galinhas, e, na altura, sala de parto.
Olhei bem para ver o que se passava lá dentro e contar a meu pai, como ele me impusera, e vi a minha mãe toda suada no bigode, de mangas arregaçadas e as mãos ensanguentadas a puxar pelo nascituro, já com a cabeça de fora e a dizer para a parturiente:
— Puxe comadre, puxe comadre.
Depois de ter visto bem o que se passava, dei o recado a que vinha:
— Oh mãe, disse o pai que fosse lá depressa.
Ainda vi as mulheres a virarem-se todas para mim com ar de surpresa e de poucos amigos, mas pus-me logo a mexer, como me dissera o meu pai.
Claro que o objectivo dele era fazer-me ver as realidades da vida e também a risota e, assim, em todos os serões, perante a muita gente que se juntava em minha casa, ou na casa do Pinto, de meus avós maternos, lá vinha sempre a pergunta:
— Ó Questódio o que é que tu viste em casa da Maria outro dia?
Eu, na minha inocência, mas senhor da importância que me era dada, contava que tinha visto a Maria escachapernada no escano e a minha mãe a dizer para ela:
— puxe comadre, puxe comadre...
e toda a gente se fartava de rir.

Custódio Montes


Comentários


Ainda não existem comentários para este questionário.

Mais raízes

Voltar

Faça o login na sua conta do Portal