loading gif
Loading...

Canto do Amigo Morto



Extras

Excerto 
 
 
(…)
A noite desce sobre a cidade. Faz calor. A lua mergulha no espelho negro dos asfaltos, acende-se no fundo do rio.
Procuro-te nos rostos que passam. Sei que todos eles abrigam a tua morte. Nenhum deles evoca o sorriso que te pertenceu.

Qual deles, ao ser tocado, se metamorfoseará em vidro? E se quebrará nas minhas mãos.
(…)

Comentários


Ainda não existem comentários para este livro.

Voltar

Área de utilizador

Top 10 de vendas

Novidades

Faça o login na sua conta do Portal