loading gif
Loading...

O Meu Nome é Vermelho



Sinopse

Em Istambul, nos últimos anos do século XVI, o Sultão encomenda um livro secreto que magnificamente celebre a sua vida e o seu império. São convocados os mais célebres miniaturistas otomanos para iluminarem o livro… ao modo veneziano. Um crime é cometido. O romance, narrado numa polifonia de vozes, abre com as reflexões do homem que foi assassinado, depois, outros narradores se lhe seguem. O leitor encontrará inesperadas personagens-narradoras, não isentas de irónica provocação. Um livro estruturado em múltiplos níveis, mesclando enredo policial, intriga amorosa, e puzzles filosóficos.

Comentários


A mostrar os últimos 20 comentários:

Carlos Porfirio , 25/06/2018 11:21

Uma reflexão entre as culturas do Ocidente e do Oriente. Muitas vozes, incluindo a do assassino que só se vem a descobrir no epílogo. Muita pintura, muita filosofia, muita alegoria. Uma grande obra.

0 0

Favoritos

Carlos Porfirio adicionou aos favoritos

Outros livros de Orhan Pamuk

Voltar

Faça o login na sua conta do Portal